Mercedes exporta 44% mais caminhões no 1º semestre

Fonte: AutomotiveBusiness-

Mercedes terminou o primeiro semestre com aumento de 44% nas exportações de caminhões sobre o mesmo período do ano passado. O volume entregue no período foi próximo a 4 mil unidades.

No segmento de ônibus, o crescimento também foi expressivo, 24%, com a venda de 3.354 veículos.

A Argentina respondeu sozinha pela compra de mais de 3 mil caminhões no período. Chile e Peru também puxaram os negócios com 463 e 233 caminhões, respectivamente. O semipesado Atego 1726 liderou os embarques, seguido do Accelo 815, um modelo leve bastante utilizado em áreas urbanas.

A Argentina também manteve a posição de destaque nas compras de ônibus com 1,4 mil chassis. Para o Chile foram enviadas 763 unidades. O terceiro maior destino foi o México, com 486 ônibus.

O micro-ônibus LO-916 é o principal produto exportado e se destaca no uso urbano. Outro modelo com volume expressivo é o chassi de ônibus de piso baixo O 500 U.

NEGÓCIOS COM ORIENTE MÉDIO E ÁFRICA

Como outras montadoras no País, a Mercedes se empenhou para ampliar os negócios além da América Latina e aumentou em 25% as vendas de caminhões para outros continentes, especialmente para regiões do Oriente Médio e África. No caso de ônibus, o acréscimo foi de 55% em relação ao primeiro semestre de 2016.

Recentemente, a Mercedes-Benz exportou 26 unidades do Atego para Serra Leoa e outras 14 para os Emirados Árabes (veja aqui).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.