Escoamento de grãos pelos portos do Paraná segue em forte alta

O escoamento de produtos agrícolas pelos portos do Paraná deverá crescer 76% no terceiro trimestre, prevê a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) a partir de uma estimativa feita junto aos terminais que movimentam grãos principalmente em Paranaguá. São esperadas 2,97 milhões de toneladas de cargas entre junho e agosto, ante 1,69 milhão no mesmo período do ano passado

Segundo a estimativa, 1,1 milhão de toneladas serão de soja, 650 mil toneladas de farelo de soja e 1,2 milhão de toneladas de milho. “A diferença de um ano para o outro se dá, principalmente, na escolha do produtor em voltar a exportar o milho. E é isso que temos buscado aqui, manter o Porto de Paranaguá pronto para atender à demanda do seu usuário, seja ela qual for”, afirma em nota o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.

A colheita da safra de verão da temporada 2016/17 no Paraná terminou neste mês com 25 milhões de toneladas colhidas, 23% a mais que no ciclo anterior. O Porto de Paranaguá é a porta de saída por praticamente todo o volume escoado para o exterior.

No primeiro trimestre, o Porto de Paranaguá bateu recorde histórico de movimentação com 11,67 milhões de toneladas, mas não apenas de grãos.

Fonte: Portos e Navios/Valor

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.