Paraguai quer criar imposto de 15% para exportação de soja

O presidente do Paraguai, Horacio Cartes, tenta impor uma taxa de imposto de 15% sobre as exportações de soja em grão pelo país. Segundo o jornal El Cronista, o presidente teria feito um acordo com a oposição e solicitado a votação do projeto ao Senado paraguaio, movimento que imediatamente provocou rejeição de empresários e produtores do país.

O Paraguai é o quarto maior exportador de soja e deve terminar o ano com vendas próximas a 10 milhões de toneladas.

Empresários manifestaram por meio de uma carta preocupação com a “instabilidade política” e como isso pode afetar os investimentos no país.

Os defensores do projeto dizem que o setor agrícola, especialmente os produtores de soja, são pouco taxadas em relação ao seu rendimento. As exportações de soja pelo Paraguai superaram US$ 3 bilhões no ano passado. Os que rejeitam a proposta dizem que os produtores já pagam impostos de rendimento comercial e circulação de mercadorias, além de transferirem dividendos para o governo.

Fonte: Portos e Navios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.