ABTC apoia projeto inovador de monitoramento de emissões de gases em veiculos

No último dia 8 de março, a Associação Brasileira de Logística, Transportes e Carga (ABTC) assinou carta de apoio institucional ao projeto de monitoramento On-line de Emissões de Veículos e Qualidade do Ar para Mitigação de Gases de Efeito Estufa (eMEGGA), coordenado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).

Caso aprovada, a proposta encaminhada, este mês, ao Programa de Trabalho 2016-2017 – Tecnologias da Informação e Comunicação – EUB-02-2017: Pilotos de Internet das Coisas (IoT), sobre o tema H2020, da Comissão Europeia, tem por objetivo desenvolver e gerir um sistema de monitoramento on-line das emissões de gases de efeito estufa dos veículos, distribuídos no Brasil e na Europa, por um período de 36 meses. E ainda, medir as concentrações desses gases, para caracterizar a específica contribuição de poluição do setor transportador.

O diferencial do projeto é que os dados poderão ser coletados, a qualquer momento, por meio de uma ferramenta de monitoramento instalada permanentemente nos próprios veículos (caminhões, ônibus e carros de passeio) e não apenas em horários e dias programados para inspeções.

Atualmente, as emissões dos veículos são calculadas por modelagem, que se mostraram com grandes lacunas entre os dados computacionais e do mundo real, fornecendo, assim, informações imprecisas para proteção ambiental e mitigação do aquecimento global.

Esses dados serão utilizados para o desenvolvimento de estratégias de mitigação de emissões, ajudando os países a alcançar seus objetivos dentro do Acordo de Paris de 2015; para uma melhor caracterização das emissões dos veículos e das condições que as causam; e ainda para iniciativas de normalização de medição de emissões de veículos em uso, bem como de veículos conectados à internet (IoT).

O presidente da ABTC, Pedro Lopes, destacou a importância do tema na agenda do setor transportador. “Temos a expectativa de que estimular o setor de transporte de cargas com novas tecnologias pode ter um impacto transformador. Essa ferramenta vai possibilitar a adoção de medidas de mitigação da emissão de CO2, um dos principais responsáveis pelo aquecimento global”.

Contexto geralO

Programa Horizonte 2020 (H2020) é o maior programa de pesquisa e inovação da UE, com quase €80 bilhões de financiamento disponíveis para serem usados entre 2014 e 2020. O programa promete mais avanços, descobertas e inovações em nível mundial, levando grandes ideias do laboratório para o mercado, além de reforçar a competitividade global da Europa.

Inovação

O termo internet das coisas (traduzido do inglês internet of things) é usado para designar uma série de tecnologias que utilizam a internet para comunicar a usuários informações em tempo real sobre a operação de equipamentos. Os aprimoramentos podem incluir desde eletrodomésticos até meios de transporte e máquinas industriais. Conectados à rede, os dispositivos podem ser comandados a distância e com informações precisas como previsão de duração, temperatura e consumo de energia.

Fonte: Comunicação ABTC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.